Divulgação

Sindicato convoca trabalhadores para assembleia sobra o ponto eletrônico

Os técnico-administrativos da UFSCar foram surpreendidos na manhã de hoje, com a publicação da Portaria GR (Gabinete da Reitoria) n° 4031, de 30/09/2019, que institui o ponto eletrônico para os TAs.

Essa ação choca mais uma vez a categoria frente à conduta truculenta que a reitoria trata as questões que envolvem a vida do TAs.

Já denunciamos aqui, várias vezes, que a atual reitoria não recebe o sindicato para tratar de questões de interesse dos TAs, num claro desprezo e desrespeito com a entidade que os representa.

A Portaria que institui o ponto eletrônico se insere nessa lógica: nenhum diálogo e determinações desprovidas de qualquer debate.

Durante quase todo esse ano, e parte do ano passado, a questão do ponto eletrônico apareceu como forma de boato e, toda vez que mantivemos conversa com a ProGPe, a resposta era sempre a mesma, ou seja, nada está decidido e o sindicato será chamado para qualquer eventual mudança na forma de controle da frequência.

Vale destacar que a atual reitoria se elegeu com base em promessas para os técnicos que se comprometia não só com o estabelecimento de mais diálogo com a categoria como apontava a disposição para a aplicação da redução da jornada de trabalho para 30h semanais.

O tempo mostrou que não se passava de vagas promessas com o objetivo de vencer o pleito para a reitoria.

A publicação da portaria veio para ratificar essa postura truculenta. Totalmente desnecessária e fora de qualquer contexto que a justifique.

Participe da assembleia. Exigimos que a reitoria explique para a categoria mais essa medida autoritária e injustificável.

Comentários

comentários

Comentários não permitidos.

X