Por conta da greve dos caminhoneiros e o ponto facultativo concedido pela reitoria diante da dificuldade de mobilidade causada pela falta de combustíveis, o Sindicato dos Técnico-Administrativos da Universidade Federal de São Carlos (SINTUFSCar) informa que suspendeu as atividades na entidade até que a situação seja normalizada.

O SINTUFSCar reafirma o apoio à greve dos caminhoneiros e repudia o governo Temer e seu decreto que autoriza a intervenção militar e das forças federais de repressão para acabar com a greve. Essa medida é um forte ataque ao movimento dos trabalhadores, e pode ser usada contra todas as categorias se não houver uma resposta e um amplo movimento de repúdio.

O momento exige unidade na luta. Exigimos uma Petrobrás 100% estatal e sob controle dos trabalhadores! Fora Parente! Fora Temer!

Comentários

comentários

Comentários não permitidos.

X