CSP Conlutas: A situação das famílias do Acampamento Capão das Antas e o tema da Reforma Agrária serão pautados em audiência pública na próxima quarta-feira (22), a partir das 15 horas na Câmara Municipal de São Carlos, interior de São Paulo.

audienciaPara o membro do Setorial do Campo da CSP-Conlutas, o advogado Waldemir Soares Junior, a presença do maior número de ativistas, movimentos e entidades fortalecerá a luta dos trabalhadores e trabalhadoras do Acampamento Capão das Antas. “A audiência busca aproximar os agentes responsáveis pela Reforma Agrária, no caso o Incra, e o Município. Também nessa oportunidade, foram convidados o Ministério Público e a Polícia Militar para apresentá-los ao movimento do Acampamento do Capão das Antas e reverter a opinião dos meios de comunicação que levam descrédito ao programa de Reforma Agrária, adjetivando acampados e assentados de vagabundos e bandidos. Será uma ótima oportunidade para a comunidade conhecer a discussão sobre a questão agrária e a importância desse programa para o crescimento do Brasil”, declarou.

Confira a convocatória do evento no Facebook: https://www.facebook.com/events/1729691890655626/

O Acampamento Capão das Antas resiste em luta pela Reforma Agrária desde 2012. Os moradores estão acampados em área de propriedade da Prefeitura de São Carlos, que move processo de reintegração de posse com decisão liminar favorável a retirada dos moradores. Desde o início do movimento de ocupação, os moradores, exercem na propriedade a holericultura e atividades de formação técnica e educacional. Levam para a propriedade as funções social e econômica exigidas pela Constituição Federal.

No período foram várias reuniões com o INCRA (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária) e a Prefeitura sem resultado para a solução do problema. A Reforma Agrária, exigida pelos moradores na propriedade antes improdutiva e abandonada, será pautada em Audiência Publica no próximo dia 22, às 15 horas, na Câmara Municipal de São Carlos.

Saiba mais sobre o Acampamento Capão das Antas

O NuPER/UFSCar (Núcleo de Pesquisa e Extensão Rural da Universidade Federal de São Carlos), juntamente com o Observatório de Conflitos Rurais de São Paulo e a CSP-Conlutas, organizaram um estudo sobre as características sociais, ambientais e econômicas do acampamento. O resultado foi a construção de um “Diagnóstico”, que discute a problemática da questão agrária na região de São Carlos, assim como as especificidades do acampamento e seus impactos econômicos, sociais e ambientais. O estudo permite, inclusive, apontar o potencial para a instalação de um projeto de desenvolvimento sustentável, com produção agroecológica e manejo e respeito ao meio ambiente.

Baixe aqui o documento: Diagnóstico Capão das Antas

Assista também o vídeo-documentário:

Comentários

comentários

Comentários não permitidos.

X